Colectivas 2018

PRÓXIMAS EXPOSIÇÕES COLECTIVAS DA IMARGEM

  • Exposição ANUAL IMARGEM, Academia Almadense, 16 Novembro a 7 Dezembro 2018
  • Exposição Colectiva Arte em Formato Postal na Galeria de Arte Imargem, 27 Abril a 8 Maio

arte em formato postal

A Arte Postal existe desde os anos 60 do século XX, iniciando-se como correspondência trocada entre artistas plásticos com mensagens criativas, dando posteriormente origem a mais uma forma de expressão da arte contemporânea. A Arte Postal surge também como uma alternativa aos meios convencionais das exposições de arte e tem características próprias do período em que apareceu, assumindo por vezes informação de protesto e denúncia. Caracteriza-se por ser um meio de expressão livre, tendo como suporte o formato postal onde os artistas utilizam, técnicas como colagens, fotografia, escrita, desenho ou pintura, entre muitos outros. Artistas: Conceição Freitas, Conceição Silva, Costa Martins, D´Souza, Edda Machado, Elsa Oliveira, Fernanda Ferreira, Fernanda Guerreiro, Fernando Quintas, Francisco Palma, Jorge Garcia, Jorge Norvick, José António Silva, Leonor Vieira, Marcos Reis, Maria Aline, Maria Bargado e Romano Colaço.
  • Exposição Colectiva Pluralidades, Oficina de Cultura –  Artistas da Imargem e da AGA-Associação de Gravura da Amadora (Associação convidada), 8 a 23 de Junho

Logo Pluralidades 2018net.jpg

ARTISTAS PARTICIPANTES: IMARGEM: Alexandre Marques, Carlos Morais, Conceição Freitas, Conceição Silva, Costa Martins, D`Souza, Edda Machado, Elsa de Sousa, Fátima Ramos, Fernanda Ferreira, Fernanda Guerreiro, Fernando Cacela, Fernando Quintas, Francisco Palma, Inácia Reis, João Simões Raposo, Jorge Garcia, Jorge Norvick, José António Silva, José de Sousa, José Raminhos, Jusete Nogueira, Leonor Vieira, Margarida Cortez, Maria Aline, Roby Athayde, Romano Colaço, Susana Horta e Teresa Martins. AGA: Aldora Madeira, Botelho de Sousa, Gilberto Guerreiro, Helena Cunha, Isabel Danave, João Mateus, Joaquim Lourenço, José Mourão, Luís Tavares, Marina dos Santos e Olga Santos.
A arte é um importante recurso de reflexão, de experimentação e de reaprender a pensar o nosso quotidiano. É através de um olhar crítico , da autonomia e da diversidade nas diversas expressões artísticas , que cada artista plástico exprime todas as variantes simbólicas que a arte pode transmitir. Esta é a proposta dos artistas da Imargem para a EXPOSIÇÃO PLURALIDADES em 2018. Este ano decidimos abrir a Pluralidades à participação de artistas de diversas associações de arte portuguesas, iniciando este ciclo com a presença de artistas da Associação de Gravura da Amadora.

 

Anúncios